31 de mar de 2008

44 ANOS DO GOLPE MILITAR

Porque será que os "grandes" veículos de comunicação não deu enfase aos quarenta e quatro anos do golpe militar,no caso da globo por ser ela um produto do seu meio,já que foi um presente do governo vigente para a familia marinho. Um ano depois do golpe militar, surgia a TV Globo. Logo depois firmou um acordo com o grupo norte-americano Time-Life. Antes do AI-5, o Congresso ainda funcionava com certa liberdade e o acordo motivou uma CPI. A CPI apresentou um relatório considerando o acordo ilegal. O tal relatório foi arquivado. Não foi à toa. A recém criada rede de televisão nasceu para se integrar à nova forma de dominação no Brasil. O Jornal Nacional nasceu em 1969, início do período mais duro da ditadura. Médici era o presidente e fez uma declaração famosa: "Sinto-me feliz todas as noites quando ligo a televisão para assistir ao jornal. Enquanto as notícias dão conta de greves, agitações, atentados e conflitos em várias partes do mundo, o Brasil marcha em paz, rumo ao desenvolvimento. É como se eu tomasse um tranqüilizante após um dia de trabalho." Mas não havia tranqüilizantes para os milhares de presos, torturados e mortos a mando da ditadura e que a programação televisiva ignorava.E não é só isso. A Globo fez exatamente o que Médici destacou em sua frase. Um dos artistas globais, José Wilker, disse no Jornal Nacional em luto que "O Brasil tal como é hoje deve muito a Roberto Marinho". E é verdade. Sem a Globo, talvez o Brasil não fosse um país injusto, pobre, com problemas sociais gravíssimos e com 98% dos lares equipados com TV para que o povo veja feliz um mundo como ele deveria ser nas novelas, shows e telejornais e não como ele realmente é. No dia 31 de março de 1964, foi dado o Golpe Militar que instaurou uma ditadura de 20 anos, que sufocou qualquer tipo de manifestação social de esquerda. Há muito silêncio sobre o tema, mas também muitos interessados nesse saber. Todo dia é dia, mas, acredito que hoje seja um dia ainda mais importante para pensarmos sobre esse período nebuloso de nossa história recente. O poder era disputado passo a passo, território a território. Em 1959, em Cuba, a revolução castrista ganhava rumos e se encaminhava para a adesão ao socialismo, ampliando as forças da URSS, e sua influência decisiva na América Latina. E o Brasil, que destino estaria reservado para ele,Após a renúncia do presidente Jânio Quadros, em 1961, quem assume é o seu vice, João Goulart (Jango). Alinhado aos comunistas, ele representava uma proximidade do Brasil com o bloco socialista Enquanto alguns grupos de movimentos sociais, de trabalhadores, estudantes e intelectuais, equipavam-se de saberes da teoria marxista e se voltavam para o socialismo, forças conservadoras ligadas à Igreja Católica (como a TFP) e aos partidos reacionários (a UDN e o PSD) acirravam os ânimos de uma disputa surda pelo poder.Temendo uma revolução de esquerda no país, as forças reacionárias alinhavam-se aos militares brasileiros, na busca de evitar o ‘mal do comunismo’. Estava dado o Golpe. O Brasil mergulhava na escuridão de um regime autoritário, que cercearia as liberdades civis e de manifestações de pensamentos contrários ao regime. Existe muitas verdades ainda para vir à tona. Essa História está muito mal contada, em seus detalhes, nos ‘nomes’ de quem estava por trás das torturas e massacres, e, nós, historiadores, cientistas sociais,sociedade como um todo não podemos esquecer para que tais fatos jamais se repitam. EM MEMÓRIA DE TODOS QUE LUTAM E LUTARAM CONTRA TODA FORMA DE AUTORITARISMO. Indicações-Brasil nunca mais,Muito além do cidadão Kane,memórias do cárcere. João Filho,professor eventual da rede publica de São Paulo

27 de mar de 2008

BIG BROTHER,ACABOU TARDE!!!

Só um sociedade doente pode criar um programa como o BIG BROTHER,(no Brasil apresentado pela rede globo) o mercado ocupou o vazio deixado pela perda de identidade dos seres humanos no lugar de se sentirem sujeitos criticos as pessoas são levadas a sonhar com a possibilidade de ficar rico em dois meses.(quando nem as ideologias,nem a política,nem os velhos laços comunitarios podem oferecer uma base de identificação ou um fundamento para os valores,alí está o mercado porque podem criar uma sociedade imaginaria.BEATRIZ SARLO). Claro que os meios de comunicação como representante dos interesses da burguesia retrata a ideologia do poder dominante. Com tantos problemas que vivemos, fome, violencia,dengue,corrupção, passar o BIG BROTHER,é uma forma de construir um mundo diferente do real,um mundo conhecido apenas por uma pequena parte da população,que alem de tudo encentiva o individualismo em detrimento do coletivo,e o individual é um dos pilares do capitalismo selvagem.Como um espaço publico permitido pelo governo a televisão deveria cultivar a possibilidade de novas formas que abragessem não só o que é relevante para o mercado.("Os meios de comunicação passaram a desempenhar o papel de multiplicadores da visão de mundo dos donos do poder, atualizando permanentemente a compreensão a partir dos interesses hegemônicos,o direito à comunicação, no sentido de acesso ao conhecimento, à informação, à opinião constitui uma falacia em nossas sociedades pois as grandes maiorias estão excluidas das escolas, onde não aprendem a base cultural indispensavel ao exercicio da cidadania" José M de Mello). Lutar para democratizar o acesso a informação de qualidade é condição basica na resistencia ao capitalismo,isto implica em mudar a fisionomia do modelo que aí está e dar-lhe uma nova feição,a de instancia aberta à participação das maiorias excluidas.BIG BROTHER ACABOU TARDE. jõao filho

21 de mar de 2008

CINCO ANOS DA INVASÃO

IRAQUE "O Iraque foi assassinado, para nunca mais se levantar", escreveu Rosen. "A ocupação americana foi mais desastrosa do que a dos mongóis, que saquearam Bagdá no século 13a guerra sectária devastou o Iraque. Bagdá e outras áreas ficaram sujeitas a uma limpeza étnica brutal.Mas apesar da catástrofe, o Iraque permanece sendo um tema marginal na campanha presidencial americana,é que a vangloriada democracia daquele país(EUA) na verdade é uma ditadura do capitalismo,um estudo envolvendo grupos no iraque apontou que os iraquianos possuem "crenças compartilhadas",com os americanos, de forma que a reconciliação deve ser possível. As crenças compartilhadas são duas. A primeira, a invasão americana é a causa da violência sectária que fez o Iraque em pedaços. A segunda, os invasores deviam se retirar e deixar o Iraque e seu povo em "paz" para viverem da forma em que melhor lhes convier,isto é liberdade,diferente do que acontece agora em que os EUA,temtam impor o seu modelo de vida.A organização humanitária Just Foreign Policy calculou que mais de um milhão de iraquianos morreram após a invasão e Mais de quatro milhões de tiveram que abandonar suas casas e cerca de metade deles se viram obrigados a fugir para outros países, segundo o Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (Acnur). Um em cada quatro moradores de Bagdá, com seis milhões de habitantes, precisou fugir de casa, informou a Meia Lua Vermelha iraquiana. Milhões de pessoas continuam sem água potável e sem cuidados médicos, informa o Comitê Internacional da Cruz Vermelha. A infra-estrutura piorou desde o regime de Saddam Hussein (1979-2003), que em seus últimos 12 anos esteve marcado por duras sanções econômicas estabelecidas pela Organização das Nações Unidas a instâncias dos Estados Unidos. Nessa época morreram mais de um milhão de iraquianos devido à desnutrição e falta de tratamento medico. Cerca de quatro milhões de crianças iraquianas necessitavam em julho passado de ajuda de emergência, segundo um informe divulgado nessa data pela organização humanitária Oxfam Internacional. Além disso, a desnutrição infantil recrudesceu e 70% da população carece de acesso à água potável. Os lares iraquianos têm, em média, menos de cinco horas de eletricidade por dia, inclusive no Curdistão, região setentrional do país que goza de ampla autonomia e que é apresentada pelo governo Bush como um exemplo de sucesso. As exportações de petróleo, das quais o Iraque obtinha mais de 80% de sua renda, não chegaram em nenhum dia à quantidade registrada antes da guerra. O desemprego, que já estava em 32% da população economicamente ativa, oscilou durante a ocupação entre 40% e 70%, segundo o governo iraquiano.Bagdá se converteu na cidade mais perigosa do mundo, em grande parte devido à política norte-americana de colocar facções políticas e grupos étnicos e religiosos em enfrentamento entre si,e porque toda essa destruição é claro que não foi por causa das fatidicas armas nuclear não encontrada,é cada vez mais claro que a invasão americana no iraque é pelo controle dos recursos petrolíferos,numa situação em que cada vez se consome mais enérgia e o abastecimento mundial desta fonte também se torna mais limitada,esta seria apenas a primeira guerra numa batalha global por recursos energeticos. A elite que governa os EUA,para perpetuar sua hegemonia utiliza-se de uma tríade de forças, o controle sobre os recursos naturais do globo(estão tentando), o monopólio militar(já possui)e o peso da cultura da (passada atraves da sua midia poderosa,cinema,musica etc),que lhe dar o dominio ideologico do sistema capitalista.A manipulação sistematica destas três "vantagens" revela os esforços que washington tenta exercer no controle militar do oriente médio. É necessario um esforço mundial para combater o novo velho imperialismo americano que não se sastisfaz com o domínio dos mercados e tentam implantar o antigo colonialismo do seculo XVIII. Organizado por João Filho,professor da rede pública de São Paulo.

15 de mar de 2008

VIGIAR E DOMESTICAR

Reportagem do jornal nacional comenta que o aumento das câmeras de segurança em todo país foi 18%(dezoito por cento) a mais que no ano anterior,não que seja relevante aqui comentar o que a rede globo passa como noticia,este seria tema pra uma outra discurssão já que se foi criado no imaginario popular que o que é noticia essencialmente tenha que passar na globo,você com certeza já ouviu falar,passou na globo ontem,(Pierre Bourdieu (Denguin, 1 de agosto de 1930 — Paris, 23 de janeiro de 2002) foi um importante sociólogo francês), chama isso de assunto de ônibus que nen sempre tem importancia mas é escolhido por uma midia e repetidos por tantas outras. Achei relevante por ser um tema que me preocupa.Serve realmente as câmeras que estão expostas em diversas lojas,supermercados,postos de gasolina e condominios para proporcionar segurança? ou para criar um big brother como já indicava George Orwell, (Londres, 21 de janeiro de 1950 foi um escritor britânico mais conhecido pelas suas duas obras maiores, A Revolução dos Bichos e 1984),este último um livro maravilhoso que conta como se pode manipular uma sociedade construindo mentiras e verdades para favorecer à um determinado grupo, privando o ser humano de elementos básicos como o amor.Esta parafernalia de cameras para todo lado acaba conduzindo o homem para uma posição de medo,VIGIADO Surge então o que Foucault chama de sociedade disciplinar. Ela nasce ao final do século XVIII e caracteriza-se como um modo de organizar o espaço, controlar o tempo e obter um registro ininterrupto do indivíduo e de sua conduta. Do ponto de vista do exercício do poder, essa sociedade se caracterizaria por implantar o que Foucault chama de “poder panóptico”. A vigilância contínua é o meio que torna possível o pleno controle dos indivíduos. Ela representa um novo ponto de vista do poder, um poder que, em vez de punir um indivíduo que pratique qualquer ato ou infração, tem suas ações previstas, antevistas pelo sistema. A vigilância permite um controle dos atos e do grau de engajamento de cada indivíduo ao sistema de poder instaurado. Antevê e determina o que pode e o que não pode o indivíduo fazer. O controle, o monitoramento dos indivíduos torna possível também a correção de suas tendências, reorientando-as na direção estipulada pelo poder panóptico.Assim, esse poder se legitima por meio do surgimento e da proliferação de uma série de instituições que referendam o modelo das diversas instituições que modernidade seguem o principio do big brother: a fábrica, a prisão, o hospital, a escola. Essas instituições literalmente seqüestram os indivíduos. A fábrica, as cidades operárias, a escola, o hospital, o as casas de repouso e os orfanatos vigiam, disciplinam e ordenam a vida do grupo dos indivíduos que lhes são subordinados. O objetivo é passar de um modo de punição para um sistema de controle,a burguesia achando formas de dominação em diferentes épocas.Em 1984 George Orwell fala que a esperança está nos povos pobres e excluidos já que a classe média se organiza conforme sua vontade de chegar um dia ao status de burgês, logo não se ver como oprimido. joão Filho,professor de história da rede pública de São Paulo.

9 de mar de 2008

A EDUCAÇÃO NEOLIBERAL

A educação neoliberal no ensino da história. muitas vezes ouço comentários sobre os motivos por quais a educação pública anda tão ruim,várias explicações são formuladas, a que acredito mais provável é a do interesse do estado liberal que aqui no Brasil foi implantado por Fernando Collor de Mello (Rio de Janeiro, 12 de agosto de 1949) e Fernando Henrique Cardoso (Rio de Janeiro, 18 de junho de 1931) em desmontar a escola pública e entregar aos interesses privados,aos empresários que ganham muito dinheiro com incentivos com PRO UNI e tantos outros,vale ressaltar que não sou contra ao modelo pro uni considero apenas que estes investimentos poderiam ser em faculdades estaduais e federais que primam por um outro nível escolar.Voltando ao modelo liberal que com continua comLuiz Inácio Lula da Silva (Caetés, 27 de outubro de 1945[1]), e no mundo foi idealizado porMilton Friedman (Nova Iorque, 31 de Julho de 1912São Francisco, 16 de Novembro de 2006) foi o mais destacado economista do século XX e um dos mais influentes teóricos do liberalismo económico e defensor do capitalismo laissez-faire e do fundamentalismo de livre mercado. Esta proposta de educação visa desmoralizar,destruir a escola pública,com diversas políticas,pagam-se mal ao professores que não tem motivação,alunos que fingem que aprendem e ainda são desmotivados, pois não se vêem incluídos através da cultura,já que a ordem em voga é a ordem do mercado,que incentiva o consumo a todo tempo, modando o novo tipo de homem, o homem cidadão,em oposição ao homem sujeito,cidadão ajuda colabora o homem critico participa intervém no processo, no seu destino como no modelo dialético marxista ver Karl Heinrich Marx (Tréveris, 5 de maio de 1818Londres, 14 de março de 1883) Na esteira ideologica de docilizar,manipular vem as ONGS,que serve para amaciar as tensões sociais existente neste projecto injusto e cada dia mais desigual.No campo da história enquanto disciplina este modelo tem sua representação na nova história cultural que nega a existência das lutas de classe com o sistema de longa duração proposto por Fernand Braudel (Luméville-en-Ornois, 24 de agosto de 1902Cluses, 27 de novembro de 1985) foi um historiador francês e um dos mais importantes representantes da chamada "Escola dos Annales". O que nos resta então?lutar esta é palavra de ordem,o pobre da favela,os oprimidos das filas,os operários,os camponeses,cada de nos é responsável pela revolução. João Filho,é historiador e professor da rede pública de São Paulo.

8 de mar de 2008

Por Dentro do AdSense: Otimizar o seu site para a pesquisa do Google

Por Dentro do AdSense: Otimizar o seu site para a pesquisa do Google !-- Search Google -->
Google
mulher

Mãe e filha dedicada, lutadora, perseverante e insistente em seus objetivos,

sempre disposta a tudo para estar acima de nós.

Você é a sensualidade com os olhos representando as cores da natureza.

O verde da floresta, o azul do céu e o castanho da terra, mas há o preto da noite

representando a solidão um sonho sem felicidade de sonhar.

As suas cores são tão diversas e mesmo assim não deixa de ser Bela, os tipos

também são diferentes e mesmo assim não deixa de ser igual na alma.

O seu corpo quando puro exala o mais raro dos perfumes, mas mesmo assim

quando perde a sua pureza não deixa o seu aroma se esvaiar.

Perfumes variados que se adaptam a sua Beleza que são diferentes em várias formas e sentidos.

Corajosa e batalhadora que não se deixa levar pelos preconceitos e também

não leva desaforo para casa.

A sua Beleza não têm cor apenas luz, a luz que ofusca os nossos olhos e faz cometer

o mais hediondo dos pecados, a Cobiça de sempre te-las em nossos braços.

Sofredora! Porque o seu maior sofrimento é o Amor.

Amar e não ser amada, amar e não poder declarar o seu Amor sincero com medo de ser rejeitada.

Mas é assim o Amor ele têm várias formas de se expressar, não o culpe por isso ele sabe o que faz.

Mulheres vocês são a nossa razão de viver, de existir e de te admirar e elogia-las todos os dias.

Sedutora com o poder de seduzir os mais brutos de todos nós e o mais alegre entre nós.

Bela em todas as idades e sedutora em todas as formas.

Alegre ou Timída a sua personalidade não importa apenas o seu carater e o seu jeito de ser.

Mulheres vocês são o sol que nos ofusca com a sua Beleza e o seu jeito de ser, mas que as vezes

perdem o seu brilho quando a deixamos de lado sem se importar com nada.

Não importa porque mesmo assim vocês acabam superando esse “eclipse solar” e volta a brilhar

outra vez provando que não merecemos mais o seu brilho e a sua luz.

Vocês Mulheres são as estrelas de uma constelação distante que mesmo tão longe

não perde o seu brilho e não se ofusca com o passar dos anos.

Mulheres belas nos olhos, no corpo e no seu jeito de ser.

Mulheres que se fazem de bobas e inocentes, fracas até, mas se enganam quem a observa

essa sua aparência porque isso são apenas disfarces e nada mais.

Modelos do Mundo, atrizes do Tempo e prisioneiras do Amor.

Esperançosa, Otimista e insistente que jamais se deixa se abater pelos problemas do

dia á dia, apenas levanta a cabeça e segue em frente sem olhar para trás.

Enfim Mulheres...

Meus Parabéns pelo seu dia e por todos os outros que são dedicados a vocês.

7 de mar de 2008

COLÔMBIA X EQUADOR

Oi pessoal,eu sou Joao filho,historiador e estarei neste blog comentando assuntos diversos e pertinente. Hoje falarei da crise da Colômbia e o Equador,vale resaltar o interesse americano e suas intencionalidades na região. O grupo revolucionario ASFARC,nada tem de terrorista ele luta apenas para implantar um novo sistema de governo mais justo,ou seja um governo não burguês , representado pela classe pobre, trabalhadores ,negros e todos os setores excluidos pelo modelo capitalista e neoliberal que só mantem o status quo desta sociedade sem valores espirituais ou morais ou seja a sociedade de consumo,o homem vale o que ele pode comprar. Os EUA sim praticam terrorismo de estado ao invadir países como Iraque com um discurso de paz ,mas que todos sabem que o que eles querem é o controle daquela região que é nuito rica em petróleo,o mais incrivel disto tudo é que este discurso é legitimado pela midia burguesa,vide (FOLHA DE SÃO PAULO,REDE GLOBO) dando destaque o tempo todo,passando uma idéia errada a respeito de movimentos sociais como o do MST,ASFARC,SEM TETO e tantos outro que lutam por dignidade humana,direito a terra, a casa ,a comida é preceito essencial à condição de SER humano. A construção da história passa por interesses dos grupos dominantes o estado,os políticos,os empresarios poderosos que possuem e financiam os meios de comunicação e aparelhos de reprodução,livros,histórias em quadrinhos,cinema docilizando os rebeldes e legitimando a sua dominção(Marc Ferro, 1924 é um historiador francês) É claron que não sou dono da verdade,este é um espaço para pensar o homem em seu estado natural com o que ele tem de melhor. Suas idéias.

FAÇA SUA PESQUISA